quinta-feira, fevereiro 21, 2013

Também eu já comi carne de cavalo a pensar que era vaca

Há muitos anos, ainda como namorada do meu marido, fui jantar a casa dos pais dele. Já se sabe estes jantares no início são sempre um pouco constrangedores.
Chegou a  hora da refeição e ele serviu-me um bife, eu comi mas com a sensação que tinha um gosto ligeiramente diferente mas talvez fosse do tempero. No fim disseram-me que era carne de cavalo, fiquei com vontade de os esganar a todos,  como tal apresentei-lhes a minha cara de amuo, escusado será dizer quando voltava lá andava sempre desconfiada e a pensar se estaria a comer ou não carne de cavalo.

2 comentários:

hierra disse...

Bolas, sempre pensei que na primeira abordagem se fazia algo mais convencional!!! Eu por acaso uma vez convidaram-me para jantar e o jantar era precisamente favas, logo favas que eu abomino, não consigo comer e logo o cheiro me enjoa. A minha sorte é que havia lá outra pessoa que era conhecido não gostar e havia algo extra-favas para comer!!! Quanto à polémica, eu safo-me pk não como carne vermelha!

GATA disse...

Eu ando a deixar de comer carne, ainda como frango, mas cada vez menos.

E quanto a jantares diabólicos... há muitooos anooos fui acompanhar uma amiga ao primeiro jantar em casa dos pais do namorado; quando a senhora serve o jantar, eu quase morro: era coelho! Bem, tive que dizer que não comia coelho porque era alérgica LOL e acabei por comer ovos mexidos LOL